Eleitores no Departamento (Estado) boliviano de Tarija foram às urnas neste domingo para votar em um referendo pela autonomia em relação ao governo central do presidente Evo Morales. Autoridades descreveram como calma a jornada de oito horas em que votaram cerca de 173 mil pessoas.

Partidários do presidente Morales, que declarou o referendo "ilegal", ficaram em casa, segundo correspondentes.

Depois da votação, a agência de notícias Reuters reproduziu números da rede privada de televisão ATB, segundo os quais a autonomia teria sido aprovada com mais de 80% dos votos, diante de uma abstenção de 35%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.