Referendo revogatório na Bolívia será realizado no dia 10 de agosto (governo)

O presidente da Bolívia, Evo Morales, convocará para 10 de agosto o referendo revogatório de seu mandato, do vice-presidente e de prefeitos, seis deles opositores ferrenhos de seu governo, confirmou nesta segunda-feira uma fonte oficial.

AFP |

A convocação, que o presidente Morales assinará nesta segunda-feira, "será para domingo 10 de agosto deste ano", assegurou o vice-ministro de Coordenação Governamental, Héctor Arce, entrevistado pela rede de televisão Red Uno.

O presidente dará luz verde à lei aprovada na quinta-feira pelo Congresso para a revogação de mandatos de autoridades nacionais e regionais, caso a rejeição a seus governos supere os votos e porcentagens recebidos quando foram eleitos nas eleições de dezembro de 2005.

Os 10 plebiscitos (um nacional e nove regionais) serão realizados em meio a uma forte crise política na Bolívia, devido às posições irreconciliáveis a respeito da nova Constituição de cunho indígena apoiada pelo governo e aos anseios por autonomia de regiões governadas pela oposição.

jac/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG