Reconstrução de Gaza deve vir com processo de paz duradoura, diz CICV

Genebra, 26 fev (EFE).- Os esforços de reconstrução na Faixa de Gaza só terão sucesso se forem acompanhados de um processo de paz que consiga uma solução para o conflito, afirmou hoje o presidente do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), Jakob Kellenberger.

EFE |

"A ação humanitária não pode substituir um processo de paz corajoso e sincero, que envolva todos os Estados, autoridades políticas e grupos armados que podem influenciar na situação", acrescentou.

"É pouco provável que a reconstrução tenha êxito, a não ser que haja uma perspectiva de paz duradoura", afirmou.

Mais de um mês depois do final da última ofensiva israelense, que deixou mais de 1,4 mil mortos em Gaza, Kellenberger insistiu em que "a reconstrução é extremamente importante para ajudar a recuperar a população em Gaza".

O balanço da ofensiva deixou mais de 2,8 mil casas completamente destruídas, outras 1,9 mil parcialmente danificadas, e dezenas de milhares de pessoas ficaram desabrigadas.

Antes da ofensiva que começou em dezembro, os índices de pobreza em Gaza chegavam a 70% da população, em parte devido às "severas restrições na circulação de pessoas e bens impostas pelas autoridades israelenses", disse Kellenberger.

O responsável do CICV também insistiu em que, para conseguir o desenvolvimento econômico de Gaza, é preciso acabar com seu isolamento, "através da suspensão das restrições de circulação das pessoas e dos bens" por parte de Israel. EFE mrm/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG