Rebeldes fazem novo sequestro no sul das Filipinas

Zamboanga (Filipinas), 23 jan (EFE).- Cerca de uma semana depois de três membros da Cruz Vermelha virarem reféns de grupos armados no sul das filipinas, três professores foram sequestrados hoje na mesma região, disseram fontes militares.

EFE |

Os professores faziam parte de um grupo de dez que retornava à cidade de Zamboanga em uma embarcação que foi interceptada por quatro homens armados com metralhadoras.

O porta-voz do comando militar de Zamboanga, comandante Celso Lobregat, disse em coletiva de imprensa que ainda é breve para falar de sequestro e que uma busca havia sido iniciada.

A captura dos três professores acontece no momento em que seguem as negociações para conseguir a libertação dos três empregados do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV), sequestrados na ilha de Jolo, cerca de 150 quilômetros ao sul de Zamboanga.

Pelo menos 30 pessoas foram sequestradas no ano passado nas ilhas de Jolo e Basilan, cerca de 980 quilômetros ao sul de Manila. EFE rp/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG