Bogotá, 15 abr (EFE) - Um comando guerrilheiro das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) assassinou hoje em uma ambulância dois soldados colombianos que antes tinham ficado feridos em um campo minado pela mesma organização rebelde, denunciaram porta-vozes militares de Bogotá.

Diego Alexander Echeverri Echeverri e Emilio Gómez Hernández foram baleados em uma zona rural próxima a Yarumal, localidade do noroeste da Colômbia à qual eram transferidos, informou a agência de notícias do Exército.

A agência militar advertiu de que os soldados "viajavam sem defesa ou material de guerra, de acordo com as normas estabelecidas para utilizar os serviços da missão médica".

Echeverri e Gómez tinham ficado feridos previamente por estilhaços de minas antipessoais instaladas pelo grupo rebelde na zona rural da mesma localidade, que pertence ao departamento de Antioquia.

A agência do Exército responsabilizou a frente 36 das Farc pelo ataque à missão médica. EFE jgh/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.