Rebeldes assumem autoria de novos ataques contra oleodutos na Nigéria

Lagos, 13 jun (EFE).- O grupo nigeriano Movimento para a Emancipação do Delta do Níger (Mend) anunciou hoje que cometeu novos ataques contra oleodutos da petrolífera americana Chevron, o que pode diminuir ainda mais as exportações de petróleo do país.

EFE |

Em nota enviada à imprensa, o Mend disse que ontem explodiu um gasoduto e um oleoduto da Chevron no estado de Delta.

O comunicado também recomenda os funcionários a deixar a unidade de armazenamento que a companhia tem em Escavros. Do contrário, poderão ser vítimas de uma das novas investidas do grupo.

O ataque de ontem, ainda não confirmado por outras fontes, seria o segundo contra a Chevron nesta semana. No primeiro, o Mend teria lançado granadas contra a estação de bombeamento de Otunana. Mas os militares afirmaram que o incêndio no local foi resultado de um acidente.

Para reprimir a ação dos rebeldes, que cobram do Governo nigeriano mais autonomia e investimentos na empobrecida região do Delta do Níger, os militares atacam acampamentos por terra, céu e mar. EFE da/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG