Raúl Castro realizará neste sábado a primeira viagem ao exterior como presidente de Cuba, com uma simbólica visita à Venezuela, principal aliado político e econômico da Ilha, antes de participar da cúpula latino-americana no Brasil.

Dois anos e meio depois de assumir o comando de Cuba pela doença do irmão Fidel Castro, Raúl, de 77 anos, cumprirá um ritual: o de ir primeiro a Caracas encontrar-se com Hugo Chávez.

Três dias depois participará no Brasil da Cúpula da América Latina e do Caribe de Integração e Desenvolvimento, em Salvador, Bahia; na próxima quinta-feira estará em Brasília, onde se reunirá com o presidente Luiz Inacio Lula da Silva.

Segundo Chávez, a viagem de Raul a Caracas tem o "mesmo significado da visita de Fidel em 1959".

Fidel Castro, 82 anos, viajou a Caracas no dia 23 de janeiro de 1959, apenas 22 dias depois de proclamar o triunfo da revolução.

mis/jb/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.