Raúl Castro destitui vice-presidente e ministro

Havana, 3 mai (EFE).- O presidente de Cuba, Raúl Castro, destituiu hoje Jorge Luis Sierra Cruz, um dos vice-presidentes de seu Governo e ministro de Transporte, e Luis Manuel Ávila González, ministro do Açúcar, segundo uma nota oficial divulgada pela televisão estatal.

EFE |

Havana, 3 mai (EFE).- O presidente de Cuba, Raúl Castro, destituiu hoje Jorge Luis Sierra Cruz, um dos vice-presidentes de seu Governo e ministro de Transporte, e Luis Manuel Ávila González, ministro do Açúcar, segundo uma nota oficial divulgada pela televisão estatal. No caso de Sierra Cruz, a destituição se deve a "erros cometidos no desempenho de suas funções", enquanto a substituição de Ávila González ocorre porque "solicitou sua liberação ao reconhecer as deficiências de seu trabalho que lhe foram apontadas". "Os companheiros Jorge Luis Sierra Cruz e Luis Manuel Ávila González receberão outras tarefas", segundo a nota do Conselho de Estado divulgada no canal de televisão oficial. A vaga de vice-presidente será ocupada por Antonio Enrique Lussón Batlle, membro do Comitê Central do Partido Comunista, comandante da Revolução e general das Forças Armadas. À frente do Ministério de Transporte estará César Ignacio Arocha Masid, militar de 51 anos e até o momento diretor-geral de Alimentos a Granel. Como novo ministro do açúcar ficou designado Celso García Ramírez, que era o vice-ministro primeiro do departamento. EFE sam/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG