Raúl Castro assistirá à posse de Rafael Correa

Quito, 8 ago (EFE).- O presidente de Cuba, Raúl Castro, participará da cerimônia na qual Rafael Correa assumirá seu segundo mandato como presidente do Equador, e com isso sobe para 12 o número de governantes que participarão do ato em 10 de agosto, em Quito.

EFE |

A Chancelaria confirmou hoje a presença de Raúl Castro, que se junta à do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, além dos chefes de Estado da Bolívia, Evo Morales; do Peru, Alan García; da Nicarágua, Daniel Ortega; do Paraguai, Fernando Lugo; da Venezuela, Hugo Chávez, e de Guiana, Bharrat Jagdeo.

Também estarão as presidentes da Argentina, Cristina Fernández de Kirchner, e do Chile, Michelle Bachelet, e com isso só faltariam os presidentes da Colômbia, Suriname e Uruguai para completar a lista de presidentes da União de Nações Sul-americanas (Unasul).

Por outro lado, para compartilhar com Correa o começo de seu segundo mandato, também irá ao Equador o presidente da República Árabe Saaráui Democrática (RASD), Mohammed Abdelaziz, e o deposto líder de Honduras, Manuel Zelaya.

Além disso, estarão os vice-presidentes do Uruguai, Rodolfo Nin Novoa; da Argélia, Abdelkader Bensalah; da Guatemala, Rafael Espada; da República Dominicana, Rafael Albuquerque, além do príncipe de Astúrias, Felipe, representando a Espanha.

O chanceler equatoriano, Fander Falconí, disse que seu país vive um momento histórico de tripla celebração, com o bicentenário da independência, o início do segundo Governo de Correa e a transferência da Presidência da Unasul do Chile ao Equador. EFE sm/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG