Sydney (Austrália), 27 jun (EFE).- O presidente do Timor-Leste, José Ramos Horta, anunciou hoje que continuará governando seu país e não se candidatará ao cargo de Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos.

EFE mg/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.