Rainha mãe ficou escandalizada com as confissões de Charles e Diana

A rainha mãe da Inglaterra ficou completamente escandalizada quando seu neto, o príncipe Charles, e sua então esposa, Diana, comentaram publicamente seus problemas conjugais, segundo sua biografia oficial, que chegou nesta quinta-feira às livrarias britânicas.

AFP |

O livro revela, por outro lado, que a rainha mãe, falecida em 2002 aos 101 anos, foi operada com sucesso de um tumro canceroso no colon em dezembro de 1966, e passou duas semanas no hospital.

A mãe da rainha Elizabeth II lamentou a decisão de Charles admitir que havia cometido adultério durante uma entrevista televisiva em 1994, segundo seu biógrafo William Shawcross.

A viúva do rei Jorge VI também desaprovou a colaboração entre a princesa de Gales e Andrew Morton, autor de um livro sobre a sua ida em meio a família real e seu casamento, que deu muito o que falar.

"Sempre é um erro falar de seu casamento", declarou a soberana que os britânicos apelidaram carinhosa de "Queen Mum" (literalmente reinha-mamãe) em uma entrevista gravada nos anos 1990 e guardada desde então nos arquivos reais.

A colaboração entre Diana e Morton foi "profundamente escandalosa" para a rainha mãe, que achava que "lavar a roupa suja em público era abominável".

rjm/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG