um ano difícil - Mundo - iG" /

Rainha britânica diz que 2009 foi um ano difícil

LONDRES (Reuters) - A rainha Elizabeth, do Reino Unido, fez homenagem às Forças Armadas de seu país e falou da recessão em seu discurso anual de Natal na televisão nesta sexta-feira, chamando 2009 de um ano difícil. Cada ano que passa parece ter características próprias. Alguns nos deixam satisfeitos, outros é melhor esquecer. 2009 foi um ano difícil para muitos, especialmente aqueles que continuam enfrentando os efeitos da crise econômica, disse a rainha na abertura de seu discurso.

Reuters |

A rainha, que é chefe titular do Exército, afirmou que se entristeceu com as perdas sofridas no Afeganistão, mas acrescentou: "Podemos ficar orgulhosos da contribuição positiva de nossos soldados e soldadas, junto com nossos aliados".

O número de soldados britânicos mortos no Afeganistão este ano chegou a 100 no começo de dezembro, além de mais seis baixas nos últimos dias, incluindo duas mortes por "fogo amigo", elevando o número para 106. Há soldados britânicos em mais de 80 países. Cerca de 10 mil estão no Afeganistão.

A mensagem da rainha, transmitida na televisão, no rádio e na Internet, é uma tradição na comemoração do dia de Natal para muitos britânicos. Diferentemente de seu discurso de abertura do Parlamento, no Natal a rainha exprime sua própria opinião, e não a do governo.

(Reportagem de Rosalba O'Brien)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG