Rafsanjani diz que líder supremo é o indicado para resolver crise

Teerã, 23 jan (EFE).- O presidente da Assembleia de Analistas, Akbar Hashemi Rafsanjani, afirmou hoje que a pessoa apta para solucionar os problemas atuais no Irã é o aiatolá Ali Khamenei, líder supremo do país.

EFE |

Segundo o site "Parlemannews", afim "à parcela dos deputados favoráveis ao imame Khomeini", Hashemi fez a declaração durante uma reunião hoje com os membros do conselho central do partido "Etedal va Tosee" (a moderação e o desenvolvimento).

"Eu acredito que, em condições atuais, a pessoa mais indicada para resolver os problemas da República Islâmica é o líder supremo", afirmou Rafsanjani.

Rafsanjani, que também é chefe da Assembleia de Discernimento para o Irã, disse estar convencido que "as pessoas moderadas de ambos as frentes podem resolver os problemas com as sugestões do líder supremo".

"Eu sempre fui partidário da moderação e defendi em minhas posturas o bem do Islã, do povo e da revolução, e em algumas vezes me mantive o silêncio", acrescentou.

Rafsanjani apoiou a candidatura do opositor Mir Hossein Moussavi à Presidência do Irã nas polêmicas eleições de 12 de junho, nas quais o presidente Mahmoud Ahamadineyad foi reeleito em meio a denúncias de fraude da oposição. EFE msh/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG