Londres, 10 set (EFE).- Sete muçulmanos britânicos acusados de conspirar para explodir aviões transatlânticos serão submetidos a um novo julgamento, anunciou hoje a Procuradoria do Reino Unido.

A decisão, divulgada pelo diretor de processamentos públicos da Procuradoria, Ken Macdonald, ocorre depois que o júri, no primeiro processo, concluiu na segunda-feira passada que não havia provas de que os acusados estivessem planejando um ataque dessas características.

A desarticulação da trama, em agosto de 2006, provocou caos nos aeroportos e a suspensão de mais de mil vôos em plena temporada de férias, além de motivar a imposição nos aeroportos de toda a Europa de novas medidas de segurança contra o terrorismo. EFE ep/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.