Monstro de Amstetten se declara inocente por assassinato - Mundo - iG" /

Monstro de Amstetten se declara inocente por assassinato

Sankt Pölten (Áustria), 16 mar (EFE).- O austríaco Josef Fritzl, conhecido como o monstro de ++Amstetten++, se declarou hoje inocente da acusação de assassinato de um dos sete filhos nascidos fruto das relação incestuosas com sua filha, à qual trancou e estuprou durante 24 anos no porão de sua casa.

EFE |

O acusado também rejeitou a acusação de "escravidão", embora tenha reconhecido "parcialmente" sua culpabilidade por delitos sexuais.

O julgamento contra Fritzl começou nesta segunda-feira no Tribunal Regional de Sankt Pölten, ao oeste de Viena.

O acusado, de 73 anos, entrou na sala penal do Tribunal vestido com um traje cinza e com a cara coberta com um objeto de cor azul.

EFE as-jk/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG