Mad Men e 30 Rock lideram nomeações para o Emmy - Mundo - iG" /

Mad Men e 30 Rock lideram nomeações para o Emmy

Los Angeles (EUA.), 17 jul (EFE).

EFE |

- A comédia "30 Rock" e o drama "Mad Men" foram as séries com o maior número de indicações este ano para o prêmio Emmy, com 17 e 16 candidaturas respectivamente, segundo a lista anunciada hoje pela Academia de Artes e Ciências de Televisão.

O programa mais indicado foi a minissérie "John Adams", que concorrerá a 23 prêmios na cerimônia de gala, que será realizada em 21 de setembro no Teatro Nokia de Los Angeles e que comemorará o 60º aniversário da entrega dos prêmios.

"30 Rock", melhor comédia de 2007, tentará repetir o êxito enfrentando outras quatro candidatas: "The Office", "Two And a Half Men", "Entourage" e "Curb Your Enthusiasm".

"Ugly Betty" ficou fora desta categoria, na qual concorreu no ano passado, mas foi indicada para seis prêmios, um deles o de melhor atriz principal pela atuação de America Ferrara, que ganhou o Emmy em 2007.

"Mad Men" entrou com força na lista de indicados em sua primeira participação nestes prêmios e teve mais indicações do que "Justiça Sem Limites", "Damages", "Dexter", "Lost" e "House".

Dos candidatos, apenas "Lost" pode receber mais uma vez o Emmy de melhor série dramática de TV, pois venceu em 2005.

O ator James Spader, por sua atuação em "Justiça Sem Limites", foi indicado mais uma vez a melhor ator de drama e poderia levar seu quarto Emmy nesta categoria, que venceu em 2004, 2005 e 2007.

Hugh Laurie, o doutor House, tentará ganhar este prêmio pela primeira vez em sua terceira nomeação, situação parecida com a de Bryan Cranston, por seu papel em "Breaking Bad", que lhe rendeu mais uma indicação para melhor ator principal, a quarta em sua carreira.

Michael C. Hall por "Dexter", Gabriel Byrne por "In Treatment" e Jon Hamm por "Mad Men" completam a lista.

A cerimônia de nomeações, realizada hoje, foi apresentada pela atriz Kristin Chenoweth ("Pushing Daisies", "Ugly Betty") e pelo ator Neil Patrick Harris ("How I Met Your Mother"), junto com o presidente da Academia de Artes e Ciências de Televisão, John Shaffner. EFE fmx/wr/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG