Sydney (Austrália), 2 jun (EFE).- Alain Robert, mais conhecido como o Homem-Aranha francês, foi detido hoje em Sydney após escalar sem qualquer tipo de proteção um dos prédios mais altos da cidade.

A façanha de Robert paralisou o trânsito no centro da cidade australiana e foi acompanhada por cerca de 200 transeuntes.

Após escalar os 41 andares da torre RBS, Robert desceu para a rua, onde foi aplaudido pelo público e detido pelos agentes, que tinham fechado um trecho da via e o aguardava após perceber sua presença na fachada do arranha-céu.

A paixão de Robert por escalar grandes alturas começou aos 11 anos, quando ele escalou os oito andares do prédio onde sua família vivia porque tinha esquecido as chaves de casa.

Esta não é a primeira detenção de Robert por escalar arranha-céus sem permissão ou proteção. Em 1998, ele passou cinco dias em uma prisão japonesa após escalar a torre do Centro Sinjuku, de Tokyo.

Ele recebeu o apelido de "Homem-Aranha" francês em 2002, quando a televisão venezuelana propôs que escalasse o arranha-céu mais alto de Caracas, no Parque Central, e lhe ofereceu uma fantasia do herói dos quadrinhos. EFE mg/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.