Erika vai perdendo força e não ameaça mais o Caribe - Mundo - iG" /

Erika vai perdendo força e não ameaça mais o Caribe

Miami, 3 set (EFE).- A depressão tropical Erika seguiu hoje perdendo força até desaparecer a ameaça sobre Porto Rico e as ilhas Virgens americanas e britânicas, embora pode ainda provocar fortes chuvas e ressacas, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC) dos EUA O NHC divulgou na meia-noite de Brasília da sexta-feira seu último boletim sobre Erika e informou que, salvo que de maneira inesperada voltasse a se ativar, coisa que não é previsível, a tendência é que vá perdendo força.

EFE |

O centro do que sobra da depressão tropical estava localizado próximo da latitude 16,8 graus norte e da longitude 65,6 graus oeste, cerca de 185 quilômetros ao sul-sudeste de San Juan (Porto Rico) e 360 quilômetros ao leste-sudeste de Santo Domingo (República Dominicana).

A tempestade se movimenta em direção oeste a 11 km/h e espera-se que gire rumo ao noroeste ao longo da sexta-feira.

Os ventos de "Erika" foram se reduzindo e a última medição do NHC os situava em 45 km/h.

A depressão tropical deve passar pelo sul de Porto Rico durante a madrugada e próxima da República Dominicana e Haiti na sexta-feira.

A temporada de furacões na bacia atlântica começou no passado 1º de junho e finalizará no próximo 30 de novembro.

No que vai de temporada se formaram cinco tempestades, incluindo "Erika", e um furacão.

A Administração Nacional de Oceanos e Atmosfera (NOAA) de EUA, em sua previsão atualizada no início de agosto, prevê a formação de 7 a 11 tempestades tropicais e de 3 a 6 furacões, dos que um ou dois poderiam ser de categoria 3, 4 ou 5, as maiores na escala de intensidade Saffir-Simpson. EFE esc/fk

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG