Chuckie Taylor condenado a 97 anos de prisão por torturas na Libéia - Mundo - iG" /

Chuckie Taylor condenado a 97 anos de prisão por torturas na Libéia

Chuckie Taylor, o filho do ex-presidente da Libéria, Charles Taylor, foi condenado nesta sexta-feira numa corte federal de Miami a 97 anos de prisão por torturas e assassinatos nesse país da África ocidental, constatou um correspondente da AFP.

AFP |

Charles Taylor Júnior, de 31 anos, nascido nos Estados Unidos foi considerado culpado, por um júri composto de 12 membros, de complô para assassinato e torturas, entre abril de 1999 e julho de 2003.

Chefiava os serviços antiterroristas quando seu pai dirigia a Libéria de 1997 a 2003.

É a primeira vez que os Estados Unidos utilizam uma lei federal votada em 1994 que os autoriza a julgar fatos relativos a torturas cometidos por cidadãos americanos no exterior.

O Tribunal Especial para Serra Leoa (TSSL) julga atualmente Charles Taylor pai por crimes de guerra e crimes contra a Humanidade durante a guerra civil que dividiu o país de 1991 à 2001, fazendo 120.000 mortos.

jco/ml/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG