Carlos, o Chacal quer impedir exibição de filme sobre sua vida - Mundo - iG" /

Carlos, o Chacal quer impedir exibição de filme sobre sua vida

O venezuelano Ilich Ramírez Sánchez, conhecido como Carlos, o Chacal e que cumpre prisão perpétua na França, pediu à justiça deste país que proíba a exibição de um filme sobre sua vida por um canal de TV privado.

AFP |

O tribunal de Nanterre (noroeste de Paris) se pronunciará a respeito no próximo dia 13.

O filme, com três partes de 90 minutos, foi dirigido pelo francês Olivier Assayas. O advogado da produtora do filme, Richard Malka, afirma que a obra ainda não foi concluída e que a atitude do "Chacal" é uma "afronta alucinante ao direito à criação artística e à liberdade de expressão".

O terrorista Carlos Ilich Ramírez Sánchez, 60 anos, foi capturado em 1994, em Cartum, e condendo a prisão perpétua pela justiça francesa pelo assassinato, em 1975, de dois policiais e um informante na capital francesa.

Em janeiro do mesmo ano, disparou no aeroporto parisiense de Orly contra um avião da companhia israelense El Al, sem atingir a aeronave.

Lenda do terrorismo internacional dos anos 70 e 80, Ilich Ramírez, nascido em Caracas, em 1949, era membro da Frente Popular para a Libertação da Palestina (FPLP), e esteve vinculado ao espectacular sequestro, em 1975, em Viena, de 11 ministros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP).

arb/cn/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG