Açougueiro da Bósnia passou férias na Croácia em 2006 - Mundo - iG" /

Açougueiro da Bósnia passou férias na Croácia em 2006

O acusado de crimes de guerra Radovan Karadzic, detido na segunda-feira em Belgrado, passou férias com identidade falsa em 2006 em Split, na Croácia, para onde viajaria também este ano, afirmou hoje o jornal croata Slobodna Dalmacija.

Redação com EFE |

Segundo o jornal, Karadzic - que usava a identidade de Dragan Dabic - passou em 2003 cerca de dez dias de férias em um apartamento alugado na localidade de Okrug Donji, na ilha de Ciovo.

A família que alugou o apartamento a Karadzic, e que preferiu manter o anonimato, reconheceu o ex-inquilino nas imagens do homem com cabelos grisalhos, longa barba e óculos, publicadas após a detenção do ex-líder servo-bósnio.

             Clique na imagem e veja o infográfico sobre Radovan Karadzic

Imagem mostra Karadzic barbudo para não ser reconhecido

Ao rever os registros de turistas, encontraram o nome Dragan Dabic e ficaram surpresos que um dos acusados de crimes de guerra mais procurados tenha se hospedado com eles.

Segundo "Slobodna Dalmacija", Karadzic se comportava como qualquer turista: saía, passeava e nadava em uma praia nas imediações de seu apartamento.

Uma vez teria visitado uma Igreja Católica nessa localidade e dito que era "um templo muito bonito", mas se corrigiu imediatamente, pedindo desculpas, e afirmou que era "uma igreja bonita".

Karadzic é sérvio, cristão ortodoxo, religião que com freqüência usa a palavra "templo" para seus santuários, ao contrário dos croatas, católicos, que dizem "igreja".

Leia mais sobre: Radovan Karadzic

    Leia tudo sobre: karadzic

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG