Quito denuncia novo combate com rebeldes colombianos no Equador

Quito, 11 nov (EFE).- O vice-ministro da Defesa do Equador, Miguel Carvajal, denunciou hoje que aconteceu um pequeno enfrentamento de militares de seu país com supostos rebeldes da Colômbia em território equatoriano.

EFE |

"Ontem aconteceram patrulhas normais e, como em outras ocasiões, houve um pequeno enfrentamento com grupos irregulares na área de Angostura, acredito que próximo ao rio San Miguel", disse Carvajal à televisão local "Ecuavisa".

O vice-ministro disse ainda que não foram registradas vítimas fatais, nem feridos no enfrentamento.

"Em várias ocasiões encontramos grupos irregulares colombianos em nosso território", acrescentou Carvajal ao apontar que "na linha de fronteira é fácil atravessar o rio".

O vice-ministro assegurou que o Exército equatoriano continuará realizando patrulhas e consolidando as relações entre as Forças Armadas e a população civil da zona da fronteira.

Em 1º de março deste ano, militares colombianos ingressaram em território equatoriano em uma operação contra um acampamento que as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) haviam instalado na zona de Angostura.

O presidente do Equador, Rafael Correa, considerou a operação uma violação da soberania e rompeu relações diplomáticas com a Colômbia, até agora não restabelecidas. EFE sm/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG