Quinze palestinos feridos são transferidos para o Egito através de Rafah

Cairo, 29 dez (EFE).- Um total de 15 palestinos, que ficaram feridos de forma grave pelos ataques israelenses contra a Faixa de Gaza, foram transferidos hoje para o Egito através da passagem fronteiriça de Rafah, segundo informações da Polícia egípcia.

EFE |

As fontes explicaram à Agência Efe que se espera que o número de feridos transferidos hoje para hospitais egípcios através de Rafah, única passagem que existe entre Gaza e Egito, chegue a 170 pessoas.

O Egito reforçou a segurança na fronteira com a Faixa de Gaza, assim como nas ruas da cidade egípcia de Arish, para evitar que os palestinos que cruzaram irregularmente a fronteira se desloquem além deste ponto.

As autoridades egípcias ordenaram no último sábado a abertura da passagem de Rafah para permitir a entrada de ajuda humanitária e a evacuação de feridos.

Entretanto, o ministro de Assuntos Exteriores do Egito, Ahmed Aboul Gheit, denunciou ontem que o Hamas não estava permitindo a saída de feridos para o Egito.

Pelo menos 320 pessoas morreram e 1.400 ficaram feridas nos últimos três dias em Gaza por causa dos ataques israelenses. EFE hh/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG