Sana, 3 mai (EFE).- Pelo menos quatro rebeldes xiitas e três soldados iemenitas morreram hoje em enfrentamentos na província de Saada, ao noroeste de Sana, um dia depois de 13 pessoas morrerem em um atentado contra uma mesquita nesse mesmo local.

Segundo fontes oficiais locais, os combates começaram no início do dia em várias áreas de Sa'ada, localizada nas proximidades com a Arábia Saudita.

Afirmaram que os três militares morreram em um ataque de um grupo radical xiita contra uma patrulha do Exército na zona montanhosa de Menabat, no norte de Sa'ada.

Os quatro insurgentes, que estavam em um carro, foram mortos por tropas iemenitas em um posto de controle na área de Haidan.

As mesmas fontes disseram que também houve combates entre os rebeldes e forças iemenitas em outras áreas da província, mas, até agora, as autoridades não têm informações sobre vítimas.

Os confrontos ocorrem um dia depois de treze pessoas morrerem e outras 45 ficarem feridas devido a um atentado cometido com uma moto-bomba contra uma mesquita da cidade de Sa'ada. EFE ja/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.