Quarteto para O.Médio se reunirá amanhã em Bruxelas

Bruxelas, 11 jan (EFE).- O Quarteto para o Oriente Médio - formado pela ONU, Estados Unidos, União Europeia (UE) e Rússia - se reunirá amanhã, em Bruxelas, em nível de enviados especiais para tentar desbloquear o processo de paz entre israelenses e palestinos, informaram hoje fontes comunitárias.

EFE |

O ministro de Assuntos Exteriores espanhol, Miguel Ángel Moratinos, em nome da Presidência rotativa da UE, participará da reunião, na qual também estará o enviado especial do Quarteto, o ex-primeiro-ministro britânico Tony Blair.

Os enviados especiais para o Oriente Médio dos EUA, George Mitchell, e o das Nações unidas, Robert Serry, participarão também da reunião.

A reunião do Quarteto acontecerá após um encontro de Mitchell com os embaixadores dos 27 países da UE que integram o Comitê Político e de Segurança, para analisar a situação.

O encontro de amanhã acontecerá em meio aos crescentes esforços internacionais para retomar as negociações de paz entre Israel e os palestinos, bloqueadas há mais de um ano.

Os palestinos exigem, a fim de evitar mais atrasos, que a retomada das conversas inclua uma data limite para conseguir um acordo para a criação de um Estado palestino independente.

Além disso, a Autoridade Nacional Palestina (ANP) advertiu que proclamará um Estado independente, se não houver avanços.

O ministro de Assuntos Exteriores israelense, Avigdor Lieberman, rejeitou na semana passada perante Blair qualquer diálogo com os palestinos que estabeleça datas para conceder-lhes um Estado. EFE rcf/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG