ROMA - Uma reprodução do quadro La Verità Svelata dal Tempo (A Verdade Revelada pelo Tempo, em tradução livre) localizada na sede do Governo da Itália, em Roma, foi retocada para cobrir com um véu o seio desnudo de uma das personagens da pintura, informa hoje a imprensa do país.

O quadro fica na sala de imprensa da sede do Governo, na parede atrás da mesa de onde o primeiro-ministro italiano, Silvio Berlusconi, e seus ministros concedem as entrevistas coletivas.

No entanto, a reprodução da obra do artista do século XVIII Giambattista Tiepolo foi retocada de modo que o seio desnudo da protagonista "desaparecesse, recoberto por um véu", diz o jornal italiano "La Repubblica".

O retoque foi iniciativa das pessoas que cuidam da imagem de Berlusconi, segundo o subsecretário da Presidência, Paolo Bonaiuti, citado pelo jornal "Corriere della Sera".

O motivo, segundo Bonaiuti, é que o seio desnudo fica dentro do enquadramento que as redes de televisão fazem durante as entrevistas coletivas e "temeram que essa visão pudesse ferir a sensibilidade de algum telespectador".

O quadro original de Tiepolo, que está em um museu da cidade de Vicenza, representa a "Verdade", uma jovem que tem um espelho em uma mão e o disco solar na outra, e está nos braços do "Tempo", sob a forma de um ancião.

Leia mais sobre: Itália

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.