Pyongyang restabelece comunicações militares com Seul

Seul, 21 mar (EFE).- A Coreia do Norte restabeleceu hoje o canal de comunicação militar com os vizinhos do Sul, um dia depois de Seul concluir a suas manobras conjuntas com os Estados Unidos, que geraram fortes críticas do regime comunista, informou a agência Yonhap.

EFE |

Trata-se da única rede militar de comunicações entre as duas Coreias, cujo funcionamento permite o acesso através da fronteira aos sul-coreanos que trabalham no complexo industrial intercoreano de Kaesong.

Segundo a "Yonhap", o restabelecimento da comunicação militar permitiu reabrir hoje a fronteira entre os dois países, que foi fechada de maneira intermitente durante os 12 dias que duraram os exercícios militares entre Coreia do Sul e Estados Unidos.

Pyongyang anunciou no dia 9 a suspensão desse canal de comunicação, em coincidência com o início das manobras militares conjuntas anuais entre Coreia do Sul e EUA, que considerou como um prelúdio de invasão a seu país.

A suspensão de comunicações restringiu nas últimas duas semanas o acesso através da fronteira terrestre dos sul-coreanos que trabalham no complexo industrial especial de Kaesong, onde empresas sul-coreanas empregam a mão-de-obra norte-coreana.

As duas Coreias permanecem tecnicamente em guerra depois de Guerra entre os dois países (1950-1953) terminar com um armistício, e não um tratado de paz. EFE ce-psh/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG