Pyongyang cria área militar na fronteira marítima com a Coreia do Sul

SEUL - A Coreia do Norte anunciou nesta segunda-feira a criação de uma zona de manobras militares na disputada linha fronteiriça do Mar Ocidental (Mar Amarelo), onde em novembro foi registrado um enfrentamento naval com a Coreia do Sul, informou a agência sul-coreana Yonhap.

EFE |

Um porta-voz do Exército norte-coreano afirmou que a zona de manobras tem como objetivo fazer frente às "provocações" militares da Coreia do Sul, país acusado por Pyongyang de realizar explosões submarinas perto da fronteira marítima.

Segundo a Yonhap, o porta-voz disse que será considerada área para manobras militares "em tempos de paz" as águas dentro da linha de demarcação fixada unilateralmente por Pyongyang em 1999 e que adentra pelo sul da fronteira marítima estabelecida no fim da Guerra da Coreia (1950-53).

As forças navais e a artilharia controlada pelo Exército norte-coreano poderão disparar nas águas reivindicadas pelo regime da Coreia do Norte. Segundo o porta-voz norte-coreano, os navios pesqueiros e militares da Coreia do Sul deverão tomar medidas de proteção nessas águas.

Leia mais sobre Coreia do Norte

    Leia tudo sobre: coréia do norte

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG