Putin: Rússia quer observadores para retomar envio de gás via Ucrânia

O primeiro-ministro da Rússia, Vladimir Putin, disse nesta quarta-feira que seu país só retomará o fornecimento de gás para a Europa através do gasoduto ucraniano quando observadores internacionais estiverem inspecionando o envio, indicaram agências de notícias russas nesta quarta-feira.

AFP |

Putin fez estas declarações durante uma conversa telefônica com o primeiro-ministro da República Tcheca, Mirek Topolanek, cujo país agora ocupa a presidência da União Européia, indicou sua assessoria de imprensa.

"Se a Ucrânia não permitir o tráfego de gás russo (para a Europa) em um futuro próximo e a Rússia for obrigada a interromper suas entregas de gás, a Gazprom só retomará o abastecimento quando um mecanismo de controle for lançado com a participação de observadores internacionais", destacou o premiê russo.

sjw/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG