Putin ressalta papel-chave da ONU em encontro com Ban Ki-moon

Moscou, 9 abr (EFE).- O presidente russo, Vladimir Putin, ressaltou hoje o papel-chave exercido pelas Nações Unidas na arena internacional, em reunião no Kremlin com o secretário-geral da organização, Ban Ki-moon.

EFE |

"A Rússia partilha da premissa de que a ONU é a única organização internacional de caráter universal, e constitui um elemento-chave em todo o sistema de relações internacionais", declarou Putin ao começo da reunião.

Putin ressaltou que a Rússia mantém relações "muito estreitas" com as Nações Unidas, de cujo Conselho de Segurança é um dos cinco membros permanentes com direito a veto, junto a Estados Unidos, Reino Unido, França e China.

"A Rússia não é somente um dos países fundadores da Organização das Nações Unidas, mas também a participante mais ativa de todos os processos que transcorrem hoje no seio da ONU e de seu Conselho de Segurança", afirmou.

O secretário-geral, por sua parte, agradeceu ao chefe do Kremlin "pelo apoio que a Rússia sempre prestou à ONU, e por sua invariável cooperação".

Ban louvou ainda o papel de Putin, que em maio deixará o Kremlin após completar dois mandatos presidenciais, ao assinalar que, nesses oito anos de seu Governo, "a Rússia passou a ocupar um lugar de maior destaque no cenário internacional".

No começo do dia de hoje, Ban havia se reunido com o presidente eleito russo, Dmitri Medvédev, que qualificou de "infundados" os comentários sobre uma crise dentro do organismo, e reiterou o pleno apoio da Rússia à organização.

Segundo fontes diplomáticas russas, Moscou está descontente com as atividades de Ban à frente da ONU, em particular por sua passividade perante a declaração unilateral de independência do Kosovo, e sua postura marcadamente pró-americana em diversas questões. EFE se/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG