Putin pede a Obama que abandone projeto de escudo antimísseis na Europa

O primeiro-ministro russo Vladimir Putin pediu nesta segunda-feira ao presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, que abandone o projeto de instalar elementos de um escudo antimísseis no leste da Europa e advertiu que, em caso contrário, Moscou daria uma resposta apropriada.

AFP |

"Este projeto está dirigido contra o poderio estratégico da Rússia. E somente podemos dar a este uma resposta apropriada", disse Putin em uma conferência sobre legislação de direitos humanos em São Petersburgo.

Caso os Estados Unidos desistam de instalar elementos do escudo antimísseis na Polônia e República Tcheca, "tampouco haverá medidas de represálias" do lado russo, destacou Putin.

Obama, do Partido Democrata, que em 20 de janeiro assumirá a presidência no lugar do republicano George W. Bush, ainda não informou se pensa em manter o plano de deslocar elementos do escudo antimísseis em países da antiga órbita soviética.

No início do mês, a Rússia ameaçou instalar mísseis no enclave de Kalingrado, fronteira com a Polônia.

mak-as-sjw/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG