Putin chega a Sochi para preparar última reunião com Bush

Moscou, 4 abr (EFE) - O presidente da Rússia, Vladimir Putin, chegou hoje ao balneário russo de Sochi (Mar Negro) para preparar sua última reunião com o chefe de Estado americano, George W. Bush, na qualidade de dirigente do Kremlin.

EFE |

Putin, que retornou à Rússia após participar de uma reunião dentro da cúpula da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) em Bucareste, se encontrará no domingo com Bush, afirmou hoje Alexei Gromov, porta-voz do Kremlin.

O chefe de Estado americano chegará sábado a Sochi, onde ocorrerá uma cúpula informal com o polêmico plano americano de instalar elementos de seu sistema de Defesa Nacional contra Mísseis no Leste Europeu como principal ponto da agenda das conversas.

Putin mantém sua oposição ao escudo, por considerá-lo uma ameaça direta à segurança da Rússia, e propôs a Bush a utilização conjunta de um radar em território azerbaijano, a apenas 200 quilômetros do Irã, e de outro em solo russo.

Na cúpula de Bucareste, a Otan expressou oficialmente seu apoio ao escudo americano e sugeriu a necessidade de Rússia, EUA e a própria Aliança explorarem um futuro mecanismo coletivo antimísseis.

Durante as recentes conversas mantidas em Moscou pelos secretários americanos de Estado, Condoleezza Rice, e de Defesa, Robert Gates, ficou evidente a irreversibilidade do desdobramento de elementos do escudo na Polônia e na República Tcheca.

Os Estados Unidos decidiram iniciar consultas bilaterais com a Rússia depois que Putin ameaçou voltar os mísseis russos contra qualquer país europeu que acolhesse elementos do escudo, que Moscou considera que procura neutralizar o potencial militar russo.

Washington insiste em que o escudo é dirigido contra a eventual ameaça de ataques com mísseis por parte de regimes como Irã e Coréia do Norte.

Putin abandonará o Kremlin em 7 de maio para assumir, em seguida, o cargo de primeiro-ministro, enquanto Bush deixará a Casa Branca em janeiro de 2009.

A reunião de Sochi servirá também a Bush para conhecer o novo presidente eleito da Rússia, Dmitri Medvedev, informaram fontes oficiais russas. EFE io/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG