Katmandu, 5 mai (EFE).- Cerca de 117 refugiados tibetanos que protestavam em frente à embaixada chinesa no Nepal foram detidos hoje e outros dez ficaram feridos em distúrbios com a Polícia, segundo um porta-voz das organizações ativistas tibetanas consultado pela Agência Efe.

Um dos feridos tem um corte na cabeça, enquanto outro está com vários pontos no rosto, segundo o porta-voz, que denunciou o "uso da força" por parte das forças de segurança nepalesas.

Os incidentes não foram confirmados pela Polícia, cujos porta-vozes não puderam ser contatados pela Efe.

Na semana passada, a embaixada dos EUA no Nepal também divulgou um comunicado denunciando o uso da força pelos agentes e a proibição de algumas manifestações pró-tibetanas. EFE ms/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.