Londres, 28 dez (EFE).- Três pessoas foram detidas hoje nos distúrbios desencadeados durante uma manifestação em frente à embaixada de Israel em Londres para protestar contra o bombardeio israelense de Gaza, informou hoje a Scotland Yard.

Segundo a Coalizão para Frear a Guerra, organizadora do ato, três mil pessoas se encontraram em frente à delegação diplomática, enquanto a Polícia estimou os participantes em 700.

A detenções ocorreram por delitos de perturbação da ordem pública, após alguns choques entre os agentes e vários manifestantes que furaram a barreira de segurança erguida pela Polícia.

Outros ativistas tentaram escalar o muro da embaixada e lançaram cartazes contra as forças de segurança, de modo que os agentes antidistúrbios acabaram intervindo para controlar a multidão.

Os manifestantes, com bandeiras palestinas e cartazes que faziam reivindicações, gritavam frases como "Israel é um Estado terrorista" ou "Holocausto em Gaza". EFE pa/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.