Protesto termina com 1 morto e 8 feridos no noroeste do Paquistão

Islamabad, 25 mar (EFE).- Pelo menos uma pessoa morreu hoje e outras oito ficaram feridas durante um protesto de paquistaneses deslocados, que enfrentaram a Polícia nos arredores de uma área destinada a eles no conflituoso noroeste do Paquistão.

EFE |

Os deslocados, originais da região tribal de Bajaur, fronteiriça com o Afeganistão, tinham convocado uma manifestação para protestar pela falta de recursos no campo de Jalozai, situado na Província da Fronteira do Noroeste, segundo a imprensa paquistanesa, que cita uma fonte policial.

De acordo com a versão, os deslocados enfrentaram as forças policiais, que inicialmente responderam com uso de cassetetes.

Depois, os manifestantes lançaram pedras e as forças de segurança responderam abrindo fogo e dispersando as pessoas com gás lacrimogêneo.

Os manifestantes chegaram a tomar três policiais como reféns, mas eles acabaram sendo libertados após negociações.

Jalozai foi durante décadas um enorme campo de refugiados afegãos sob controle da ONU, mas as autoridades o encerraram no ano passado.

Agora, o local serve de refúgio para mais de 20 mil deslocados internos paquistaneses que fugiram de zonas em que o Exército está combatendo a insurgência talibã. EFE igb/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG