Incidente teve início após o bloqueio dos trens da cidade

Um protesto liderado pelo Partido Operário provocou pancadaria nesta quinta-feira em uma estação de trens de Buenos Aires, deixando oito feridos e quinze detidos, informaram as autoridades. Os incidentes começaram após o Partido Operário bloquear a ferrovia, deixando centenas de passageiros a espera na estação Constitución, onde jovens passaram a atacar a polícia com pedras e a saquear lojas.

A polícia reagiu e o confronto se tornou uma verdadeira batalha campal, de quase uma hora. Agentes da tropa de choque utilizaram jatos d'água para dispersar os manifestantes e detiveram vários jovens."Há oito feridos, incluindo três policiais...", disse à imprensa um funcionário do serviço municipal de emergências. A polícia informou que deteve 15 pessoas por "vandalismo".

O governo apresentará uma denúncia penal contra o Partido Operário (esquerda trotskista) por ter bloqueado a ferrovia durante sete horas, revelou o secretário dos Transportes, Juan Pablo Schiavi. O protesto exigia a integração de trabalhadores temporários no quadro permanente de empregados da ferrovia.

Polícia se mobiliza após atos de vandalismo nos arredores da capital Buenos Aires
AFP
Polícia se mobiliza após atos de vandalismo nos arredores da capital Buenos Aires

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.