Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Protesto contra Morales suspende comemoração por fim da Guerra do Chaco

Villamontes (Bolívia), 14 jun (EFE) - Os protestos contra o presidente da Bolívia, Evo Morales, em Villamontes, fizeram com que fosse suspensa nessa localidade a comemoração do fim da Guerra do Chaco, a qual foi transferida a um recinto militar em Yacuiba, a 100 quilômetros, informaram hoje à Agência Efe fontes oficiais.

EFE |

Finalmente, Morales junto ao chefe de Estado do Paraguai, Nicanor Duarte, e o presidente eleito desse país, Fernando Lugo, festejarão em uma escola das Forças Armadas o 73º aniversário do armistício que colocou fim à disputa que opôs Bolívia e Paraguai entre 1932 e 1935.

Em Villamontes, 800 quilômetros ao sudeste de La Paz, tudo estava pronto para receber o ato, e inclusive já estavam na localidade as delegações militares boliviana e paraguaia para participar do desfile e das outras atividades programadas.

O Comitê Cívico da localidade, autonomista e opositor a Morales, que tinha anunciado na semana passada que impediria a presença do presidente boliviano, cercou na sexta-feira à praça onde ficava o camarote de autoridades para o ato central de hoje.

O grupo, além de autonomia departamental, pede que Morales restitua à Prefeitura (órgão de Governo regional) os recursos da renda petrolífera que foram retirados no final de 2007.

Morales recebeu hoje Duarte no aeroporto de Yacuiba, onde o governante paraguaio recebeu honras militares.

Pouco depois chegou Fernando Lugo, que foi recebido na pista pelo ministro de Exteriores, David Choquehuanca, e outros membros do gabinete de Morales.

Villamontes, localidade de 50 mil habitantes situada no departamento de Tarija (sul), perto da fronteira com o Paraguai, foi palco da batalha decisiva da Guerra do Chaco.

Nos três anos do confronto armado, os historiadores calculam que 100 mil pessoas em cada lado tenham morrido. EFE sam/db

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG