Protesto contra divisão entre Hamas e Fatah atrai centenas em Gaza

Gaza, 25 jul (EFE).- Centenas de pessoas se manifestaram hoje na Cidade de Gaza contra os confrontos que os dois principais movimentos palestinos, o Hamas e o Fatah, iniciaram há mais de dois anos.

EFE |

O protesto foi organizado pela Frente Democrática para a Libertação da Palestina (FDLP), uma minoritária facção marxista, em apoio ao acordo de reconciliação que o Hamas e o Fatah, sob mediação do Egito, negociam há meses.

Os manifestantes gritaram palavras de ordem e carregaram cartazes pedindo união aos palestinos e que as conversas no Cairo deixem de ser bilaterais e passem a incluir a todas as facções locais.

Líderes da FDLP e outras personalidades de Gaza participaram da marcha, que percorreu a principal rua da cidade até o monumento ao soldado desconhecido.

A manifestação transcorreu de forma pacífica, sem a intervenção da Polícia do Hamas, que controla a Faixa de Gaza desde que, em junho de 2007, expulsou as forças leais ao presidente da Autoridade Nacional Palestina (ANP) e líder do Fatah, Mahmoud Abbas.

"Viemos aqui para dizer que o diálogo global é o único caminho para pôr fim aos redutos e recuperar a unidade entre nosso povo", disse Talal Abu Zarifa, dirigente da FDLP em Gaza.

Abu Zarifa lembrou que cinco meses de conversas bilaterais "não deram nenhum resultado", só "levaram (a situação) a um beco sem saída". EFE sar/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG