Prossegue ofensiva dos EUA contra talibãs no Afeganistão

A forças americanas prosseguiam neste domingo com sua vasta ofensiva contra os talibãs no Afeganistão, encontrando pouca resistência, exceto por algumas zonas.

AFP |

Ao menos 4 mil fuzileiros, apoiados por 500 policiais e soldados afegãos, avançavam sobre os distritos de Nawa, Garmser e Khanishin, na província de Helmand, um dos principais bastiões dos rebeldes talibãs.

Na mesma província, um pouco mais ao norte, 350 soldados britânicos combatem os rebeldes desde 23 de junho passado, com o objetivo de ocupar a região, fora do controle de Cabul, visando as eleições presidenciais e municipais de 20 de agosto.

Na frente americana, a companhia Eco do segundo batalhão do 8º regimento de infantaria enfrentava os rebeldes em Mian Pushta, um entroncamento rodoviário e fluvial estratégico de Helmand, revelou o comandante Dan Gaskell, em Camp Delhi.

"A companhia Eco foi deixada lá na quinta-feira e ocupou o entrocamento, de onde combatem para manter a posição".

Mian Pushta é "atualmente a zona mais difícil da operação", destacou Gaskell.

Os demais marines não estão encontrando forte resistência.

Até o momento, as forças dos Estados Unidos só tiveram uma baixa fatal na ofensiva, um soldado baleado na quinta-feira.

Outros dois soldados foram evacuados de helicóptero devido à desidratação provocada pelo forte calor do verão afegão.

Mais ao sul, dois soldados britânicos da Força de Assistência para a Segurança (Isaf) da Otan morreram no sábado na explosão de uma bomba de fabricação caseira.

Com estas baixas, chega a 173 o número de soldados britânicos mortos no Afeganistão desde o início da intervenção militar no país, em 2001.

Os comandantes americanos estimam que a pouca resistência dos rebeldes talibãs vai acabar em breve. "O inimigo acredita que vamos partir dentro de alguns dias, mas ficaremos", disse o tenente-coronel Christian Cabaniss, encarregado das operações na zona de Garmser.

bs/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG