Promotoria do Equador divulga cópias do diário de líder das Farc

Quito, 5 ago (EFE).- A Promotoria do Equador informou hoje que obteve cópias de seis páginas de um documento atribuído ao ex-líder das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) conhecido como Raúl Reyes.

EFE |

O texto, de acordo com um comunicado do Ministério Público, foi entregue pelo ex-secretário anticorrupção e ex-chefe de segurança do Estado José Luis Cortázar, que aparentemente recebeu as fotocópias em janeiro das mãos de um "informante".

A letra em minúscula e cursiva das fotocópias é diferente da que aparece em outro diário atribuído a Reyes e entregue na semana passada à Promotoria pelo atual ministro do Interior, Gustavo Jalkh, no qual a letra é clara, grande, maiúscula e manuscrita.

As fotocópias do texto divulgadas à imprensa pela Promotoria em um e-mail aparentemente correspondem a um caderno de notas, no qual é possível ler os sobrenomes de alguns colaboradores do Governo de Correa, como o ex-ministro do Interior Gustavo Larrea e Ricardo Patiño, atual ministro coordenador de Política.

Também aparece o nome de "Nacho", a quem foi vinculado o ex-subsecretário do Interior José Ignacio Chauvín, investigado em um caso de narcotráfico e de supostos vínculos com as Farc. EFE fa/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG