impacto mundial - Mundo - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Promotor diz que atentados em vôos transatlânticos visavam um impacto mundial

A conspiração para cometer um atentado com explosivos líquidos em sete aviões em pleno vôo entre o Reino Unido e os Estados Unidos queria causar um impacto mundial, afirmou nesta quinta-feira o promotor do caso, no segundo dia de julgamento desse caso.

AFP |

Ao expor os feitos atribuídos aos acusados no julgamento, aberto na quarta-feira no tribunal de Woolwich, o promotor Peter Wright explicou que o objetivo desse complô era "infligir grandes perdas entre a população civil, tudo em nome do Islã".

"Os oito homens são acusados de planejar em agosto de 2006 os atentados suicidas a, pelo menos, sete aviões, que faziam o trajeto entre o aeroporto Heathrow, em Londres, e o aeroporto no Canadá, em Toronto e Montreal, e nos Estados Unidos, em Nova York, Washington, Chicago e São Francisco".

"O método seria produzir uma série de explosões coordenadas e mortais. A estes homens não lhes preocupa a carnificina que provocariam caso o plano fosse executado", acusou Wright.

Os oito acusados são britânicos, têm entre 23 e 29 anos e são de origem do sul da Ásia.

Todos negaram as acusações de conspiração para cometer assassinato e conspiração para cometer ato que possa colocar em risco a segurança do avião.

Esses atentados frustrados provocaram caos nos céus europeus e nos Estados Unidos, centenas de vôos foram cancelados com destino aos aeroportos de Londres, onde foram adotadas medidas de segurança severas, muitas das quais estão em vigor até hoje.

rjm/cl

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG