Tamanho do texto

Quito, 28 set (EFE).- A organização privada Participação Cidadã, que hoje realizou uma contagem rápida - projeção do voto com base nas atas das juntas receptoras de voto - deu 63,2% para o sim no referendo constitucional realizado no Equador.

Segundo a Participação Cidadã, que tem o aval do Tribunal Supremo Eleitoral (TSE) para realizar a contagem rápida, 28,6% dos votos foram para o "não", com 1% de votos em branco e 7,2% de nulos. EFE sm/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.