Progressos israelenses e palestinos não são suficientes para acordo, diz ONU

Nova York, 25 nov (EFE).- O diálogo direto entre israelenses e palestinos produziu passos positivos, mas insuficientes para que as duas partes alcancem um acordo antes do fim deste ano tal como era o objetivo, indicou hoje o subsecretário-geral da ONU para Assuntos Políticos, Lynn Pascoe.

EFE |

"As partes assinalaram que prosseguirão com suas negociações e que seu objetivo é um acordo de paz global que contemple todos os assuntos, sem exceção", disse Pascoe ao Conselho de Segurança da ONU, que hoje abordou a situação do Oriente Médio.

No final de 2007, israelenses e palestinos, com a mediação dos Estados Unidos, se reuniram na localidade de Annapolis (Maryland) para relançar suas negociações, e na ocasião assinalaram que buscariam o acordo para um ano depois. EFE emm/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG