Professora é presa após abir fogo contra colegas em Universidade do Alabama

Uma professora de biologia foi acusada de homicídio depois de abrir fogo contra colegas em um prédio da Universidade do Alabama, em Huntsville, no sul dos Estados Unidos, deixando três mortos.

BBC Brasil |

De acordo com relatos da mídia local, os tiros foram disparados depois que Amy Bishop descobriu que ela não receberia uma promoção. O porta-voz da universidade Ray Garner disse que as vítimas fatais são o diretor do Departamento e dois professores.


Amy Bishop é presa após ataque / AP

Outras três pessoas ficaram feridas. Duas delas estariam em estado grave no hospital, enquanto a terceira estaria estável.

Se condenada, a professora pode receber a pena de morte. O marido dela também estaria sendo questionado pela polícia.

Amy Bishop é uma neurocientista que estudou na Universidade de Harvard e começou a trabalhar na Faculdade de Biologia da Universidade do Alabama como professora assistente em 2003.

Leia mais sobre Estados Unidos

    Leia tudo sobre: tiroteio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG