Johnson são retirados de lojas na China - Mundo - iG" /

Produtos da Johnson Johnson são retirados de lojas na China

Pequim, 18 mar (EFE).- Uma cadeia de supermercados chinesa retirou alguns produtos para bebês da marca americana Johnson & Johnson, alegando que contêm ingredientes cancerígenos, informou hoje a agência oficial de notícias local Xinhua.

EFE |

A cadeia de supermercados Nonggongshan, com sede na cidade de Xangai e que tem mais de 3.500 lojas no leste da China, retirou os produtos em resposta a um debate sobre a segurança dos mesmos.

"Temos que ser responsáveis com os consumidores e suspender as vendas desses produtos até que seja demonstrado que são seguros", disse Gan Pingzhong, diretor do departamento de supervisão de qualidade do Nonggongshang.

Muitos chineses expressaram preocupação depois que a Campanha para Cosméticos Seguros, uma organização sem fins lucrativos dos Estados Unidos, publicou um relatório em 12 de março.

Nele, dizia que vários "produtos mais vendidos para o banho das crianças estavam contaminados com metanal e 1,4 dioxano, substâncias químicas que provocam câncer".

Em uma enquete publicada pelo "Diário de Chongqing", 69,2% dos participantes dizem acreditar que os produtos Johnson & Johnson estão contaminados e 77,3% asseguram que não voltarão a comprar itens da companhia.

Em comunicado enviado à "Xinhua", a Johnson & Johnson diz que "os níveis de restos de certos compostos achados pela Campanha para Cosméticos Seguros podem resultar de processos que fazem com que os produtos sejam suaves para bebês e estejam livres do crescimento de bactérias".

As autoridades especialistas em controle de qualidade na China iniciaram uma investigação sobre os produtos. EFE rat/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG