Príncipe William participa de operação antidrogas na América do Sul

Londres, 27 jul (EFE).- O príncipe William, segundo na linha de sucessão ao trono britânico, participou recentemente de uma operação militar antidrogas a menos de 200 quilômetros do litoral na fronteira entre Colômbia e Venezuela, informou hoje o Ministério da Defesa.

EFE |

O príncipe, que há algumas semanas participou de uma operação similar no Caribe, estava a bordo de um helicóptero Lynx, que recebeu instruções de perseguir uma lancha suspeita de transportar cocaína desde um país sul-americano, afirmou o Ministério.

Quando o bote fugiu, os atiradores que estavam no helicóptero abriram fogo contra o motor da lancha, fazendo com que os três tripulantes se jogassem na água.

Depois eles foram recolhidos pela fragata Iron Duke, na qual o príncipe passa dois meses de treinamento para se preparar para seu futuro papel de líder das Forças Armadas. Antes disto ele passou o mesmo período em treinamento com a Real Força Aérea (RAF).

Segundo o Ministério, não foi encontrada droga à bordo, porém havia restos sobre os tripulantes, o que pode significar que eles a arremessaram na água antes de serem capturados.

Os tripulantes foram entregues às autoridades colombianas, acrescentaram as fontes. EFE jm/ab/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG