O príncipe Harry, terceiro na linha sucessória ao trono britânico, iniciou nesta sexta-feira uma visita oficial a Nova York, onde prestou homenagem às vítimas dos atentados de 11 de setembro de 2001 no Marco Zero e plantou uma árvore em uma praça do sul de Manhattan.

Harry, de 24 anos, depositou uma coroa de flores no local dos atentados, denominado "Marco Zero", que quase oito anos depois da tragédia permanece em obras.

Em seguida, foi à vizinha Praça Hanover, no distrito financeiro de Nova York, onde batizou o lugar de "Jardim Britânico", plantou uma árvore e posou sorridente para os fotógrafos.

Na pequena cerimônia, o filho do príncipe Charles recebeu uma bandeira norte-americana proveniente do "Marco Zero" e agradeceu às autoridades da cidade em um breve discurso.

Posteriormente, o príncipe Harry e sua delegação foram ao restaurante "India House" situado na mesma praça, para um almoço com familiares de vítimas britânicas e norte-americanas dos atentados.

À tarde, a agenda da visita --a primeira de caráter oficial realizada pelo neto da rainha Elizabeth ao exterior-- inclui o hospital para veteranos de guerra da cidade. O príncipe Harry é membro das Forças Armadas britânicas e participou de combates no Afeganistão.

No sábado participará de uma partida de pólo para arrecadar fundos destinados às crianças do Lesotho.

ltl/dm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.