Príncipe Harry marca visita a Nova York para este mês

LONDRES (Reuters) - O príncipe Harry, da Grã Bretanha, visitará Nova York no fim deste mês em sua primeira viagem aos Estados Unidos desde a morte de sua mãe, a princesa Diana, em 1997, informaram as autoridades reais nesta quarta-feira. Harry, de 24 anos, jogará em uma partida de polo para apoiar sua instituição de caridade Sentebale, ajudando órfãos e crianças vulneráveis do Reino de Lesoto, ao sul da África, e fará um jantar privado com potenciais doadores.

Reuters |

Ele também apresentará seus pêsames àqueles que morreram nos ataques do dia 11 de setembro de 2001 no World Trade Center e assistirá a uma cerimônia nomeada para as 67 vítima britânicas no British Memorial Garden, em Hanover Square.

Os dois dias de viagem que começam no dia 29 de maio serão a primeira vez que Harry, o filho mais novo do herdeiro do trono Príncipe Charles, cumpre obrigações oficiais fora de seu país, apesar de não ser formalmente uma visita oficial.

Apelidado como uma criança real e príncipe playboy pela mídia, Harry recentemente procurou mostrar uma imagem mais sóbria, colando grau como um oficial do Exército e servindo por 10 semanas no Afeganistão em 2008.

Mas ele teve de se desculpar no início deste ano após um vídeo de 2006 que foi publicado com ele usando o termo depreciativo "Paki", que se refere a paquistaneses, para descrever um colega asiático do Exército.

Enquanto estiver em Nova York, Harry encontrará com soldados recuperados na clínica de veteranos em Manhattan e visitará um centro de crianças no Harlem.

O príncipe, como seu irmão mais velho William, está treinando para ser um piloto militar, e a viagem tem sido um caminho durante o período curo de licença.

(Reportagem de Tim Castle)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG