Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Príncipe Charles da Inglaterra paga dívida real contraída em 1651

O príncipe Charles, herdeiro do trono britânico, pagou nesta terça-feira uma dívida contraída há mais de 350 anos por um de seus antepassados, o rei Charles II, com uma empresa de confecção de uniformes militares.

AFP |

O príncipe de Gales pagou 453,15 libras esterlinas (567,30 euros) à Clothiers Company de Worcester por uma encomenda feita em 1651 de uniformes militares que nunca havia sido paga.

Os uniformes eram destinados às tropas que lutaram contra as forças republicanas de Oliver Cromwell na Batalha de Worcester, neste mesmo ano.

A soma foi entregue em uma bolsa confeccionada pela Companhia Real Shakespeare, e o príncipe se alegrou por não ter tido que pagar os juros acumulados ao longo de três séculos e meio.

"Me parece que os membros da Clothiers Company têm uma boa memória", declarou Charles.

"E por boa me refiro a quase 400 anos. Entretanto, como gesto de boa vontade, venho aqui hoje disposto a honrar esta dívida", disse.

"Suspeito que não escapa a ninguém aqui, no entanto, que estou resistindo à imensa tentação de pagar a dívida com todos os juros, já que eu não nasci ontem", brincou o príncipe.

O alto comissário da Clothiers Company, Philip Sawyer, recebeu o dinheiro e entregou um recibo a Charles, declarando que assim se encerra "um capítulo muito longo" da história da empresa.

Se os juros fossem cobrados, as 453,15 libras de 1651 valeriam aproximadamente 47.500 libras em 2007, segundo o site da BBC, citando o Instituto de Medidas de Valores.

elm/ap

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG