Principal refinaria do Kuwait registra incêndio em seus depósitos de petróleo

Cairo, 3 set (EFE).- Um grande incêndio foi declarado hoje nos depósitos de petróleo da maior refinaria do Kuwait, situada 38 quilômetros ao sul da capital, informou um porta-voz da Companhia Nacional de Petróleo do Kuwait (CNPK).

EFE |

O porta-voz disse à agência oficial de notícias kuwatiana "Kuna", os bombeiros tentam extinguir o fogo na refinaria Al-Ahmadi, uma das três existentes nesse pequeno emirado do Golfo Pérsico.

A origem do incêndio está em um guindaste instalado em um estacionamento perto dos depósitos de petróleo, que começou a queimar por motivos desconhecidos, e, em breve, as chamas se espalharam pelo local, acrescentaram as fontes.

A refinaria de Al-Ahmadi, situada no litoral, foi a primeira instalação petrolífera construída no Kuwait, após a descoberta de petróleo no final dos anos 40.

Al-Ahmadi, construída nos anos 50, tem uma capacidade de refino de 440 mil barris de petróleo por dia.

O Kuwait é país-membro da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e um dos principais exportadores de petróleo do mundo, com uma produção de 2,5 milhões de barris por dia. EFE nq/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG